LUZ PARA O MUNDO

LUZ PARA O MUNDO
A CURA PARA OS MALES DA HUMANIDADE

quarta-feira, 28 de setembro de 2016



ADORADORES EM ESPÍRITO E VERDADE.

João 4: 24: ”Deus é Espírito, e importa que os que adoram o adorem em espírito e verdade”.  (Palavras de Jesus)


A idolatria e o paganismo caminham juntos, e Satanás é o pastor delas. Nasceu na Mesopotâmia e teve seu ápice na cultura egípcia, no Helenismo grego-romano e se alastrou por todo globo terrestre, a adoração de deuses criados pelo próprio homem. Figuras de pau e pedra, de animais, homens e seres mitológicos. Deus quando criou o homem, reservou para si um espaço no âmago espiritual do  homem, no cerne de sua alma.
Mas o pecado obscureceu este entendimento.  O homem afastado  do verdadeiro Deus, vem ocupando o espaço destinado ao seu Criador, com o materialismo, a mentira do diabo e com a sua própria imaginação.
Atos 17:  15 ao 30 - Romanos 1: 21 ao 32

Israel o povo escolhido de Deus, por muitas e muitas vezes  esqueceram-se de seu Libertador da escravidão do Egito e voltou-se para os deuses pagãos das nações a sua volta.
Constantemente eram disciplinados, padeciam invasões e exílios e escravidão arrependia-se, e Deus os perdoava e os restabelecia a sua terra prometida. Isso foi acontecendo até a vinda de Jesus Cristo, e no ano 70 D.C, Jerusalém foi destruída e todo judeu foi banido da Palestina. Uma diáspora que durou 1877 anos, e somente em 1947 D.C que voltaram a Palestina e criaram o Estado de Israel.
Jeová é um Deus que exige devoção exclusiva, pois Ele é o criador de todas as coisas. E os que o adoram tem quer em espírito e verdade.
Um Deus que aparentemente não pode ser visto, mas toda a criação dá testemunho de sua existência. Um fato que Satanás tenta desesperadamente obscurecer na mente dos homens. Colossenses 1: 15 – Salmos 102: 25 -  Eclesiastes 7:13- Hebreus 4: 4 –
Adão podia ver Deus, mas perdeu esse privilégio quando pecou. Moisés viu Deus, mas também pecou e nem a terra prometida não teve acesso. Gênesis 3: 8 ao 13.
Mas teve um prêmio maior, ascendeu aos céus depois de sua morte.
Deus tem um prêmio maior a todos nós que cremos nele em espírito e verdade e lutam por isso, e que creem no seu amado Filho Jesus Cristo, a  imagem visível de Deus que veio a terra. Como Redentor e Salvador da Humanidade perdida.  1 Coríntios 9: 24 ao  27.
Deus nos deu o livre arbítrio. Se quisermos servi-lo ou não, adorá-lo ou não, isso depende de cada um de nós. Uma responsabilidade que assumimos durante a vida,  com reflexos no dia do Juízo. 1 Pedro 4: 3 ao 5
A centelha de Deus dentro de nós avisa que é melhor servi-lo, e o pecado diz que não. E é a nossa consciência que dá decisão final, ela arbitrará a nossa salvação ou destruição.  Gênesis 2: 7 – Salmos  139: 1 ao 18 – 1º Timóteo 1:5
O Criador nos oferece o perdão pelos nossos pecados, e nós lhe oferecemos o arrependimento sincero de nossa conduta. E Jesus Cristo nos dá o direito de salvação e vida eterna. 1º Timóteo 1: 14 e 15 – Salmos 130: 1 ao 6
Nós temos tudo a ganhar, se quisermos. Deus tem facilitado ao máximo para cada um de nós.
Nunca podemos esquecer que Deus é Justo, mas também é Juiz. Que Deus é amor, mas cumpre a suas Leis, e não é imparcial. É Bondoso, mas requer a cobrança de seus devedores.   Nada passará despercebido diante de Deus. É durante a vida que você precisa se acertar com Deus, por intermédio de Jesus Cristo. Apocalipse 15: 3 ao 5 – Salmos 145: 7 – Ezequiel 33: 11 ao 15 e 20.-
Depois da morte, só o Juízo, o julgamento do que se fez em vida.
Apocalipse 13: 8 e Apocalipse 20: 14 e 15.


LEIA A BÍBLIA SAIBA MAIS.

REGRA DIÁRIA PARA A SANTIFICAÇÃO:
Oração diária cada manhã assim que acordar, agradecendo por mais um dia de vida e pela concessão de bênçãos e proteção.
2º Leitura de uma porção do texto Sagrado do Novo Testamento, iniciar o dia com ensinamentos de Jesus.
3º Louve a Deus com palavras ou cânticos espirituais.
Assim fazendo diariamente, alcançará a sua Santificação. A Paz virá normalmente acompanhada com esta santificação. Amém.
                         1º TESSALONICENSES 4: 7    





Nenhum comentário:

Postar um comentário