LUZ PARA O MUNDO

LUZ PARA O MUNDO
A CURA PARA OS MALES DA HUMANIDADE

terça-feira, 25 de outubro de 2016




UMA LUZ NAS TREVAS


“Para dar Luz àqueles que se acham na escuridão e na sombra da morte, e para guiar os nossos passos no caminho da paz”. Lucas 1: 79


João Batista, primo do Senhor Jesus Cristo, veio ao mundo como uma luz na escuridão, a voz que clama no deserto anunciando a vinda do Messias e Salvador. Levita filho do Sacerdote Zacarias. Dá a entender que a família de Jesus além da descendência real de Israel estava imbuída no serviço e adoração ao Criador.
Por quatro séculos desde Malaquias até a chegada de João Batista, parecia haver um silêncio da parte de Deus. Pois nenhum profeta verdadeiro se pronunciou com mensagens divinas.
Mas foram séculos terríveis onde as potências da época se digladiavam para assumir o poder mundial. E muitas nações vizinhas a Israel tentaram a oportunidade de destruir a nação judia para sempre. Uma obra de Satanás para evitar a chegada do Messias em breve. Caíram os babilônicos, os persas, e os gregos e o predito Império Romano assumiu o poder mundial e o Messias nasceu para cumprir a redenção do homem. Uma das piores derrotas que o diabo obteve em solo Palestino. O plano de salvação do homem por Deus, não foi impedido. Satanás fracassou mais uma vez.
Este é o cenário da vinda de João Batista. O Elias que prepara o caminho do Salvador.
Vive no deserto, vestido de roupas rústicas, comendo gafanhotos e mel silvestre, isso no décimo quinto ano do reinado do Imperador Romano Tibério.
Pregava anunciando a chegada do Reino de Deus e batizando o batismo de arrependimento para remissão dos pecados.
João Batista levou ao pé da letra a profecia sobre Ele em Isaías 40: 1 ao 11, pregou com ousadia, mostrou o pecado de todos sem exceção, pobres, ricos, aos religiosos dignitários e a realeza dominante. Mostrou aos seus ouvintes as verdadeiras palavras pronunciadas e escritas na Lei, que a muito vinham sendo desvirtuado pela classe mesquinha e autoritária religiosa e comerciante da adoração no Templo consagrado ao Deus Todo Poderoso. 
Batizou ao Senhor Jesus Cristo. Destemidamente pregava o Evangelho ao povo. Condenava o Rei Herodes por seus crimes e pelo adultério com a mulher de seu irmão, Herodias. E por vingança dela, por João Batista ter exposto seus pecados ao povo, no aniversário natalício de Herodes, ela pediu a cabeça de João Batista numa baixela de prata. Foi decapitado apesar da contrariedade de Herodes.
 Assim o profeta cumpriu sua trajetória aqui na terra, seu dever e a salvação eterna. Mateus 14: 1 ao 12 – Mateus 17: 9 ao 13 .
Jesus Cristo nos  deu seu testemunho por João Batista:” EM VERDADE VOS DIGO: ENTRE OS NASCIDO DE MULHER, NINGUÉM APARECEU MAIOR QUE JOÃO BATISTA”.
Mateus 11: 11
Isto mostra o tamanho e o impacto da pregação de João Batista anunciando a vida do seu Salvador e a chegado do Reino de Deus. Sendo uma Luz para os menos esclarecidos e abrindo uma porta para a salvação.
‘ Eu sou “a voz que clama no deserto: dizia João Batista”.
Quantos ainda não ouviram essa voz ou se fazem de surdos?

LEIA A BÍBLIA SAIBA MAIS

(Não deixe de ler as citações bíblicas)

Nenhum comentário:

Postar um comentário